23 setembro, 2014

MONTEDOMEL 500.000 !!!

Quinhentas mil visitas, ou de uma forma mais sonora: meio milhão.

Há muito tempo que não comemorávamos uma data ou um número de visitas mítico, agora e de uma assentada foi o 6º aniversário do blog e as 500.000 visitas.

Se a memória não me falha comemoramos a visita nº 10.000, a 100.000 e o balanço aos seis meses de existência. Ainda dá vontade de rir quando penso que fiz um balanço aos seis meses, mas é certo que volvido esse tempo já tinham sido publicados 120 artigos, notícias, entradas… nunca mais consegui tal produtividade.

O primeiro balanço foi feito aos seis meses e 3000 visitas, em Dezembro de 2008, dava o Montedomel os primeiros passos, tão trôpegos como todos os que se seguiram. Ainda hoje mantenho as mesmas dúvidas sobre se devo ou não escrever um blog de apicultura, qualquer coisa que possa espicaçar o espírito dos “abelheiros” e que resulte em animadas tertúlias à distância, sobre o maravilhoso mundo das abelhas.

Pelo sim pelo não vou escrevendo, nunca se sabe, e quando tiver a certeza logo direi qualquer coisa…

A primeira publicação foi um mini cartaz publicitário na revista “O Apicultor” e que gosto sempre de recordar:

Afinal as abelhas continuaram a ser as mesmas, nós é que envelhecemos seis anos… seis anos a criar abelhas, a produzir mel, a levar ferroadas e sobretudo a conhecer imensa gente e a aprender. Foi este talvez um dos aspectos mais positivos deste balanço: a imensa quantidade de apicultores e amigos das abelhas que consegui conhecer em quatro continentes, não fazia ideia como a apicultura podia ser um meio tão bom para socializar e fazer amizades um pouco por todo o mundo.

Nunca fui um verdadeiro “apiturista”, nunca rumei a determinado destino por causa da apicultura local, mas já que lá me encontrava aproveitava para conhecer a apicultura e os apicultores locais e isso sim, fazia-o com determinação. Não há nada como encontrar um apicultor a mais de 5.000 km de distância, falamos todos a mesma língua, partilhamos todos o gosto pela actividade mais ecológica que se conhece. É um prazer depararmo-nos com materiais e métodos muito semelhantes aos nossos, mas com uma dose suficiente de exotismo que justifica todos os sacrifícios de tais jornadas.

Em qualquer paragem, seja ela mais ou menos turística, quando perguntamos pelos apicultores a resposta invariavelmente elucida-nos sobre as lojas e mercados onde podemos comprar mel. 
Eu não quero comprar mel, eu quero mesmo é falar com os apicultores!
Segue-se então um olhar apiedado do nosso interlocutor, talvez lhe suscitemos tanta controvérsia mental como quem procura o turismo sexual, e com um pouco de sorte lá nos indicam um abelheiro, ou um amigo de um amigo de um amigo…

Alguns números do Montedomel para ilustrar

A origem das visitas:

Em Dezembro de 2008, quando do primeiro balanço (e único também, acho) era bem patente a minha felicidade pelas mais de 3.000 visitas, mais 1.000 que as minhas melhores estimativas, como pelos visitantes de 13 países que até então tinham visitado o Montedomel.

Actualmente temos visitas de 157 países, onde pelo menos em mais de 100 o fazem com alguma regularidade, contando que abaixo de dez visitas por país talvez o tenham feito acidentalmente nos motores de busca. 

Também é possível que tal variedade geográfica se deva aos milhões de portugueses dispersos pelo mundo, alguns dos quais apicultores emigrados. Bem notória aqui a ajuda do governo à multinacionalidade das visitas ao Montedomel, com um aconselhamento tão enérgico aos portugueses para que emigrem.

Eu devia ter um castigo que me obrigasse a visitar cada um desses destinos e tomar pelo menos um café e dois dedos de conversa com cada um dos visitantes do blog, e cumpriria com prazer J.

Top 10 dos países com mais visitas ao Montedomel:

Só por curiosidade o record de visitas num único dia (que eu tivesse monitorizado) ocorreu a semana passada, na Sexta Feira dia 19 de Setembro com 558 visitas.

As notícias, artigos, posts e demais coisas do Montedomel:

Dos mais de 600 artigos e entradas nunca vos intrigou saber quais os mais procurados pelos visitantes?

A mim já, muitas vezes, incógnita que constituiu um verdadeiro dilema até perceber que eu tinha acesso a tal informação, que passo a divulgar:

Top 10 dos posts mais visitados no Montedomel:

N.º 1“Lusitana” A Colmeia do Padre Manuel Sousa, publicado a 02 de Abril de 2011, até à data teve 10.613 visitas e suscitou 10 comentários.

N.º 2O Mel feito no Sol…, publicado a 12 de Janeiro de 2009, até à data teve 5.997 visitas e 5 comentários.

N.º 3Cuidado com as Vespas Gigantes…, publicado a 20 de Julho de 2009, até à data teve 4.980 visitas e 18 comentários.

N.º 4Desdobramentos: Colmeia Modificada para a Criação de Abelhas MacMel, publicado a 6 de Setembro de 2010, até à data teve 4.508 visitas e 10 comentários.

N.º 5Moldagem Manual de Cera… Faça Você Mesmo, publicado a 12 de Maio de 2010, até à data teve 3.828 visitas e 23 comentários.

N.º 6A Cera da Abelha, publicado a 4 de Janeiro de 2010, até à data teve 2.663 visitas e 13 comentários.

N.º 7Picada de Abelha…, publicado a 16 de Junho de 2009, até à data teve 2.396 visitas e 9 comentários.

N.º 8Instalar um Apiário I, publicado a 11 de Dezembro de 2008, até à data teve 1.802 visitas e 6 comentários.

N.º 9O Açúcar no Alimento das Abelhas, publicado a 29 de Janeiro de 2013, até à data teve 1.782 visitas e 5 comentários.

N.º 10Desdobramentos, mais práticos que teóricos…, publicado a 16 de Março de 2009, até à data teve 1.777 visitas e 5 comentários.

A fortuna ganha com o Google AdSense no Montedomel

É uma contabilidade fácil: 500.000 x (valor estipulado por visita) + outros donativos simbólicos = 1 cerveja Sagres Mini!

Talvez esteja a ser ingrato, talvez me tenham pago mais algumas cervejas e cafés, mas recordo agora um apicultor idoso que me pagou uma cerveja Sagres mini, reconhecido por qualquer ajuda ou explicação que lhe disponibilizei.

Mas este foi um assunto que várias vezes me assaltou o pensamento, podia e devia ter angariado alguns avos com publicidade ou com o número de visitas ao blog, até porque para lá da eternidade de tempo que consumi nisto, ainda houve bastante dinheiro gasto sem qualquer retrocesso para além do enorme prazer que esta experiência proporcionou e espero que continue a proporcionar.

Das várias vezes que pensei em pôr o Montedomel “a render” consegui arrepender-me antes de concretizar o intento. Ficava logo com aquela sensação de ter de cumprir, de compromisso e decerto de perder muita margem de manobra, o que é claramente a antítese do que sempre me moveu nesta iniciativa. E por isso não o fiz, optei por uma independência total, seja lá isso o que for no contexto actual, e mantive um blog quase subversivo (andava à espera de uma oportunidade para usar o termo) mas só um bocadinho, o suficiente para ser diferente. Fazer com que os apicultores (e eu também) olhassem para o habitual mas de um ângulo diferente e daí tirarem novas ou velhas conclusões.

Outras coisas ainda…

Ultimamente não tenho escrito muito, não tenho publicado Meltoon’s, não tenho feito aqueles esquemas pormenorizados nem tão pouco renovado o stock de fotografias. Não é por nada em especial além do facto de não haver por ora muita coisa a dizer, ou talvez ande desinspirado, vamos deixar passar o tempo.

Grande parte da “blogosfera” apícola portuguesa também amainou as velas, anda demasiado conformada, surge um blog por outro mas a maioria nada publica ou raramente o faz. É uma pena. Recordo-me do período áureo entre 2008 e 2012 onde se disponibilizava imensa informação, era um gosto fazer zapping pelos blogues todos e saber das novidades, aprendia-se imenso e a rapaziada estava continuamente em contacto.
O pior é que nem podemos culpar esse fiasco que é o programa apícola, ou a troika…

Vamos esperar por dias melhores e ter fé.
Não esqueçam da responsabilidade que todos (apicultores) temos em tornar este planeta melhor, pelo menos mais doce e respirável. Há imenso dióxido de carbono para a vegetação substituir por oxigénio, há áreas imensas para reflorestar e sem abelhas saudáveis não há polinização nem flora.

Resta agradecer aos milhares de visitantes e amigos do Montedomel, este trabalho também foi e é vosso, pelos comentários, mails, conselhos, apoio e palavras encorajadoras,

Obrigado a todos e um grande abraço!!!


8 comentários:

Paulo Romero. Abelhas Nativas disse...

Boa noite,meu amigo Joaquim!!!

PARABÉNS,pelo belo e importante blog e pelo seu trabalho de divulgação e defesa da Apicultura!

Realmente,depois que conheci esse blog;me tornei um visitante fiel e sempre estou por aqui,para aprender mais sobre as abelhas e esse maravilhoso mundo.

Apesar de te considerar um amigo,ainda não nos conhecemos pessoalmente;mas esse momento está bem perto;afinal de contas,nos encontraremos em Novembro,no Congresso Brasileiro de Apicultura e meliponicultura,que acontecerá em Belém,Pará.

Grande abraço,meu amigo!

Paulo Romero.
Meliponário Braz.

Apicultor disse...

Parabens Monte de Mel, a biblia portuguesa da apicultura. ;)

Anónimo disse...

Muitos parabéns !

Com mais ou menos entradas, com mais ou menos disponibilidade, o BLOG não pode parar.
Aguardaremos pela visita 1.000.000 !

Um forte abraço,

Abelhasah.

PS- e a festa ? Para quando ?

Unknown disse...

Parabéns pelo numero de visitas, mas além do número, lembro sempre o não quantificável.
Os seus ensinamentos e experiências terão tido um eco e uma multiplicação dificil de avaliar mas de efeitos muito muito prometedores.
É por tudo isso, pelo que partilhou, pelo que até agora ensinou, pelo tempo que dispensou em prol dos outros e de uma paixão de todos que está de parabéns.
Se a apicultura passa de pais para filhos, altamente contagiosa e hereditária ;), o Sr. Engº pessoalmente tem com este blog expandido esta ideia além fronteiras.
Duma forma descomprometida tem feito muito pela apicultura portuguesa.
Honra lhe seja feita.

Abraços
JC

Francisco Rogão disse...

Parabéns Pifano e continua pois o teu blog é uma referencia para todos nós apicultores.

Anónimo disse...

Muitos parabéns Joaquim!!
Um abraço do Agreste,

Afonso

Bruno Furtado disse...

Muitos parabéns Sr. Eng.
Já o disse em tempos: "Este blog dava um Livro", hoje atrevo-me a dizer que dava uma enciclopédia na nossa apicultura. Tudo de bom e continuem com o belíssimo trabalho que têm feito até hoje.
Abraço.

Manuel Luis disse...

Então parabéns! Esse é um dos grandes motivos para continuar. Por vezes aparecem umas vespas anónimas mas as abelhas dão conta delas.
Um abraço